Reservas internacionais: o que são, para que servem e qual o valor do Brasil


Tié Lenzi
Licenciada em Direito

Reservas internacionais são recursos financeiros que o Brasil tem investido e guardado no Banco Central. É uma espécie de poupança do país, que também é chamada de reserva cambial.

As reservas internacionais do Brasil são formadas por valores em dólares, outras moedas e investimentos feitos pelos país e são administradas pelo Banco Central do Brasil.

Como são feitas as reservas internacionais

Para poder ter as suas reservas internacionais o Brasil, através do Banco Central, compra moedas fortes de outros países, principalmente nos momentos em que o câmbio está mais favorável.

O Brasil também costuma investir em títulos da dívida pública de outros países porque costuma ser um investimento com rendimentos satisfatórios.

Em menor escala o país também faz outros tipos de investimentos, como a compra de ouro, desde que esses investimentos sejam seguros e tenham bons rendimentos.

Qual a função das reservas internacionais?

A principal função de ter reservas internacionais é proteger a economia do país e conseguir garantir a estabilidade do mercado financeiro em momentos de desequilíbrio ou de crise.

Ou seja, a reserva financeira é uma segurança, uma garantia de que o país tenha condições de lidar com situações que poderiam deixar o mercado financeiro mais instável. Também assegura que o país tem condições de cumprir os compromissos financeiros assumidos com os seus credores, tanto os internacionais como os nacionais.

As reservas internacional também ajudam no controle da flutuação do valor da dívida pública do país e da emissão da moeda brasileira.

Qual o valor das reservas do Brasil?

De acordo com os dados publicados pelo Banco Central, as reservas internacionais do país são de aproximadamente 372 bilhões de dólares. Esse valor coloca o país na lista das dez maiores reservas internacionais do mundo.

Quase a totalidade do valor corresponde ao investimento feito na compra de moedas de outros países. Há também uma parcela menor investida em ouro, outros títulos públicos e depósitos no Fundo Monetário Internacional (FMI).

Evolução do valor das reservas

O montante das reservas internacionais do Brasil aumentou cerca de dez vezes nos últimos anos.

Em 2002 o valor era de 37 bilhões de dólares, em 2007 era de 180 bilhões e em 2012 chegou a ser de 378 bilhões de dólares.

Veja também

Tié Lenzi
Formada em Direito pela Universidade Federal do Rio Grande (2009) e mestranda em Ciências Jurídico-Políticas na Universidade do Porto, Portugal.
Página publicada em 15 de Fevereiro de 2018 e última atualização em 15 de Fevereiro de 2018 às 15:02.
Aviso: Este site não está relacionado a nenhum órgão de governo, autoridade pública, empresa pública ou sociedade econômica mista.